Os benefícios de alimentar a criança com Atenção Plena (Mindful Feeding)

Mindfullness ou Atenção Plena é uma técnica de meditação por meio da qual se desenvolve a habilidade de levar a atenção para as experiências do momento presente e sem julgamentos. Nos últimos anos, muitos estudos têm trazido novas descobertas dos amplos benefícios da meditação com Atenção Plena.

A novidade é que essa técnica meditativa também tem efeitos no comportamento alimentar infantil. Um artigo publicado este ano na revista Eating Behavior abordou a qualidade da dieta infantil associada ao conceito de Mindful Feeding, ou seja, quando aquele que alimenta a criança se coloca emocional e mentalmente presente no ato. Composto por 497 pais e mães de crianças norte-americanas entre aproximadamente 3 e 7 anos de idade, o estudo fez uso do instrumento Mindful Feeding Questionnaire (MFQ) (Meers, 2013), composto por 4 itens ("Eu costumo alimentar meu filho enquanto estou fazendo muitas outras coisas”; "Quando eu alimento meu filho, muitas vezes estou distraído com outros pensamentos”; "Quando estou alimentando meu filho, estou completamente focado no que estou fazendo”; "Eu corro fazer as refeições com meu filho sem realmente prestar atenção neles”). Os resultados mostraram que os filhos cujos pais os alimentavam com Atenção Plena consumiram mais frutas e vegetais e menor açúcar.

O artigo trás algumas explicações que ajudam na compreensão desses achados científicos.

Pais que alimentam seus filhos com a Atenção Plena podem ser mais propensos a tirar estímulos eletroeletrônicos do ambiente na hora das refeições, o que supostamente protege a criança em sua capacidade de comer como um ato consciente, reconhecendo os sinais internos de fome e saciedade, comendo devagar e saboreando os alimentos. Outra possibilidade é que a maior atenção dos pais nos filhos favoreceria a percepção de sinais emitidos pela criança que expressem saciedade, como o comer mais lento e a diminuir do interesse pela comida.

 Fonte da imagem

 

Ademais, em um estudo anterior descobriu-se que existe associação entre as capacidades de Atenção Plena Geral dos próprios pais (General Parental Mindfullness), Atenção Plena nas Práticas Maternais/Paternais (Mindful Parenting Practices), com a habilidade de Alimentar o Filho com Atenção Plena (Mindful Feeding) (Meers, 2013).

Os benefícios da meditação e da alimentação baseada na Atenção Plena parecem repercutir nos filhos de modo transgeracional, devendo ser ensinado e incentivado nos programas de saúde como um meio de instrumentalizar os pais na adoção de práticas e hábitos alimentares mais saudáveis para toda a família.

 Autoria Júlia Feltrin Ivers

 

Referências:

EMLEY, E. A; TAYLOR, M. B; MUSHER-EIZENMAN, D. R. Mindful feeding and child dietary health. Eating Behaviors, v. 24, p. 89-94, 2017.

MEERS, M. The assessment of mindful food parenting and its relation to parental feeding practices and child food intake. (Unpublished doctoral dissertation) Bowling Green, Ohio: Bowling Green State University, 2013.