Tecnologia assistiva: como melhorar a qualidade de vida do idoso

          Tecnologia para o idoso

Com o processo de envelhecimento algumas habilidades funcionais podem ser comprometidas prejudicando a execução de atividades e tarefas do cotidiano, tais como comer, escovar os dentes, andar e escrever. Essas alterações podem causar a dependência no idoso e ter impacto na sua qualidade de vida e saúde.

Visando promover ou melhorar a inclusão social e autonomia podemos utilizar os recursos da tecnologia assistiva, a qual se refere a dispositivos de auxílio que diminuem o impacto da disfunção física. No nosso dia-a-dia, convivemos com alguns exemplos de tecnologia assistiva como: bengala, andador, barra de apoio, assento para aumento do vaso sanitário e tapete antiderrapante.

Entretanto, dependendo do grau de comprometimento físico do idoso podem ser necessárias adaptações individualizadas as suas demandas, tais como: garra e esponja com cabos alongados, dispositivos para alimentação e vestuário, auxílios para calçar sapatos e meias, faca arredondada e aparador para pratos.

Diversos estudos demonstraram que o uso da tecnologia assistiva melhora a autoestima, previne quedas e suas consequentes fraturas, diminui o número de hospitalizações e reduz o risco de lesões durante a execução das atividades de autocuidado, lazer e trabalho. Além disso, contribui para minimizar a diminuição da coordenação e do equilíbrio, consequentes do processo de envelhecimento.

Essas estratégias e recursos abrangem tarefas como mobilidade, comunicação, higiene pessoal, preparo de alimentos, atividades de lazer e de trabalho. Pequenas mudanças podem ter impacto positivo na qualidade de vida do idoso, não deixe de procurar profissionais de saúde especializados para tirar suas dúvidas.

Por Raoana Chaves 

Referência:

Albuquerque KF, Moreira MAO, Costa SMG et al. Assistive Technologies to Elder: integrative literature review. R. pesq.: cuid. fundam.2011:184-188.

Guimarães FJ, Pagliuca LMF. Assistive technology: an analysis of the concept.  J Nurs UFPE. 2012;6(11):2663-71.

Valéria Sousa de Andrade VS, Pereira LSM. Influência da tecnologia assistiva no desempenho funcional e na qualidade de vida de idosos comunitários frágeis: uma revisão bibliográfica. Rev. Bras.. Geriatr. Gerontol. 2009; 12(1):113-122.