Sedentarismo, obesidade e tabagismo associados a crescimento de número de pessoas com câncer no mundo

doença crônica nao-transmissivel

A drástica mudança nos padrões de vida referentes à alimentação, tabagismo e sedentarismo, especialmente nos países industrializados, além da maior longevidade da população, causou um acentuado aumento nos casos de câncer por todo o mundo.

De acordo com dados de 2012 da Organização Mundial da Saúde (OMS), o número de pessoas diagnosticadas com câncer por ano no mundo aumentou para 14 milhões, quando comparados aos 12,7 milhões de casos em 2008. Neste período, também houve um crescimento no número de mortes, de 7,6 milhões para 8,2 milhões.

Dentre os diversos tipos da doença, o câncer de pulmão foi o mais frequente, atingindo 13% do total. O câncer de mama foi o mais comum entre as mulheres de 140 países, incluindo países em desenvolvimento, o que pode ser explicado pela menor velocidade nos avanços tecnológicos e médicos nestes locais.

Infelizmente, estes números só tendem a aumentar. De acordo com a OMS, a previsão de casos de câncer para 2025 é de 19 milhões por ano no mundo.

Link para a notícia:

http://www.bbc.co.uk/news/health-25346639

Por Laís Amaral