Óleo de Coco: verdade ou um mito?

óleo de coco

Com grande destaque o óleo de coco é apresentado na mídia como uma das soluções para o tratamento da obesidade fazendo com que muitos acreditem em seus benefícios e resultados milagrosos.

No entanto, não há evidências científicas suficientes que justifiquem o uso indiscriminado deste óleo para fins terapêuticos e por tanto deve-se ter cautela ao falar sobre o assunto.

Por se tratar do grupo das gorduras, o óleo de coco tem suas restrições, já que não há estudo que justifique a utilização de quantidades acima das recomendações do consumo de gorduras totais e saturadas para a população, para tratamento de perda de peso, gordura abdominal e do perfil lipídico.

O uso de suplementos a base do óleo de coco deve ser desestimulado, pois não há estudos em humanos suficientes para afirmar qualquer benefício. Trata-se de mais um modismo alimentar, na tentativa de encontrar um alimento milagroso para resolver uma questão tão mais complexa.

Leia o texto completo no site da ABESO:

http://www.abeso.org.br/pdf/revista56/oleo_coco.pdf