A publicidade infantil como tema de discussão nacional na proposta de redação do Enem 2014

Em meio às discussões da crise da falta d’agua no Sudeste brasileiro, jogos da Copa do Mundo no Brasil, manifestações populares em prol do fim da corrupção na política, e a corrida presidencial, ninguém esperava que o tema da redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) deste ano fosse a publicidade infantil. Mesmo após a aprovação da resolução da Conanda (Conselho Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente) que considera abusiva toda e qualquer publicidade dirigida ao público infantil, o tema de redação pegou os candidatos de surpresa.

Na proposta de redação da prova, realizada no dia 09/11, foram apresentados três textos a fim de subsidiar a produção textual dos candidatos. O texto 1, de caráter jornalístico, discutia a proibição da publicidade no Brasil, já o texto 2 se tratava de um infográfico sobre a publicidade para crianças no mundo, e por fim o texto 3 que se dirigia a criança como um futuro consumidor e, portanto, com direito de escolha.

Mapa publicidade crianças no mundo ENEM

A seleção deste tema soma-se na luta contra a publicidade abusiva direcionada às crianças, uma vez que fez com que mais de 8,7 milhões de jovens brasileiros – e futuros pais e profissionais - refletissem sobre o assunto, que já é amplamente discutido nos meios acadêmicos e em ONGs pelo Brasil afora.

Esperamos que este importante passo, que mostra a preocupação do MEC (Ministério da Educação), em direção ao fim do abuso publicitário com foco nas crianças e adolescentes, atinja as rodas de discussão, não só de profissionais da área e meios acadêmicos, mas também as famílias, as escolas, e que tome cada vez mais espaço nas politicas publicas brasileiras.

 

Por Laís Amaral Mais e Sarah Warkentin

Leia mais em:

http://g1.globo.com/educacao/enem/2014/noticia/2014/11/tema-da-redacao-do-enem-sobre-publicidade-infantil-no-brasil.html